Incorporações ao acervo – destaques: out. 2017/jan. 2018

cover

AGRAWAL, G. P. Sistemas de comunicação por fibra óptica. 4. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2014.

cover

ANDERSON JUNIOR, J. D. Fundamentos de engenharia aeronáutica: introdução ao voo. 7. ed. Porto Alegre: AMGH, 2015.

cover

ASKELAND, D. R.; WRIGHT, W. J. Ciência e engenharia dos materiais. 2. ed. São Paulo: Cengage Learning, c2015.

cover

BALANIS, C. A. Teoria de antenas: análise e síntese. 3. ed. Rio de Janeiro: LTC, 2014. v. 1.

cover

BALANIS, C. A. Teoria de antenas: análise e síntese. 3. ed. Rio de Janeiro: LTC, 2009. v. 2.

cover

BARBIERI, J. C. Gestão ambiental empresarial: conceitos, modelos e instrumentos. 4. ed. São Paulo: Editora Saraiva, 2016.

Sem título

BEER, F. P. et al. Mecânica vetorial para engenheiros: estática. 9. ed. Porto Alegre: AMGH, 2013. v. 1.

cover

BRAGA, B. et al. Introdução à engenharia ambiental: o desafio do desenvolvimento sustentável. 2. ed. São Paulo: Pearson, 2014.

cover

BRUNETTI, F. Mecânica dos fluidos. 2. ed. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2008.

cover

CALLISTER JUNIOR, W. D.; RETHWISCH, D. G. Ciência e engenharia de materiais: uma introdução. 9 ed. Rio de Janeiro: LTC, c2016.

cover

CHIAVENATO, I. Administração: teoria, processo e prática. 5. ed. Barueri: Manole, 2016.

cover

DORNELAS, J. C. A. Empreendedorismo: transformando ideias em negócios. 6. ed. São Paulo: Empreende : Atlas, 2017.

cover

FOROUZAN, B. A. Comunicação de dados e redes de computadores. 4. ed. São Paulo: McGraw-Hill, 2010.

cover

GEROMEL, J. C.; PALHARES, A. G. B. Análise linear de sistemas dinâmicos: teoria, ensaios práticos e exercícios. 2. ed. São Paulo: Blucher, 2017.

cover

GUEDES, P. Metrologia industrial. Lisboa: ETEP, 2015.

cover

GUERRINI, F. M.; ESCRIVÃO FILHO, E.; ROSIM, D. Administração para engenheiros. Rio de Janeiro: Elsevier, 2016.

cover

HIBBELER, R. C. Estática: mecânica para engenharia. 12. ed. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2014.

cover

KEISER, G. Comunicações por fibras ópticas. 4. ed. Porto Alegre: AMGH, 2014.

cover

KOTLER, P.; KELLER, K. L. Administração de marketing. 14. ed. São Paulo: Pearson, 2015.

cover

MANKIW, N. G. Introdução à economia. 3. ed. São Paulo: Cengage Learning, 2016.

cover

MEGSON, T. H. G. Introduction to aircraft structural analysis. 3. ed. Boston: Butterworth-Heineman, c2018.

cover

MERIAN, J. L.; KRAIGE, L. G. Mecânica para engenharia: estática. 7. ed. Rio de Janeiro: LTC, c2016.

cover

MORRIS, A. S.; LANGARI, R. Measurement and instrumentation: theory and application. 2. ed. Amsterdam ; Boston: Academic Press: 2017.

Sem título

NUSSENZVEIG, H. M. Curso de física básica: mecânica. 5. ed. São Paulo: Blucher, 2017. v. 1.

cover

NUSSENZVEIG, H. M. Curso de física básica: eletromagnetismo. 2. ed. São Paulo: Blucher, 2017. v. 3.

cover

PEERY, D. J. Aircraft structures. Nova Iorque: Dover Publications, 2016. (Dover Books on Science/Mechanics).

cover

RAO, S. S. Vibrações mecânicas. São Paulo: Pearson Prentice-Hall, 2014.

cover

RODRIGUES, L. E. M. J. Fundamentos da engenharia aeronáutica. São Paulo: Cengage Learning, 2016.

cover

RUFFINO, R. T. (Coord.) et al. Tolerâncias, ajustes, desvios e análise de dimensões. São Paulo: Blucher, 2015. (Princípios de engenharia de fabricação mecânica; 1).

cover

SLACK, N.; BRANDON-JONES, A.; JOHNSTON, R. Administração da produção. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2017.

cover

SOARES NETO, V. Sistemas de telefonia: fundamentos, tecnologias e funcionamento de redes. São Paulo: Érica, 2015. (Eixos).

cover

STEER, M. Microwave and RF design: a systems approach. 2. ed. Edison, NJ, EUA: SciTech Publishing, c2013.

 

* Lembra-se que para visualização de todos os títulos/exemplares incorporados ao acervo de documentos da BJB deve-se acessar o catálogo Athena, clicar na opção “Busca Multibase” (situada no segundo menu superior), selecionar a base de dados “Campus Exp. de S. J. da Boa Vista” e clicar em “Ok”.

“As novas bibliotecas já não são templos”

“Na Biblioteca 10 de Helsinki é possível ler deitado na rede, fazer negócios, costurar à máquina, dançar, digitalizar formatos obsoletos, como fitas cassete e VHS, tocar guitarra ou tirar uma soneca. É possível fazer praticamente qualquer coisa que jamais se pensaria em fazer em uma biblioteca. E tudo porque seu diretor, Kari Lämsä, pensou que no novo mundo há pouco espaço para as velhas bibliotecas e um espaço enorme para as inovadoras […]”

Leia a íntegra em: https://brasil.elpais.com/brasil/2015/06/13/cultura/1434216067_290976.html

%d blogueiros gostam disto: